CLICK HERE FOR FREE BLOGGER TEMPLATES, LINK BUTTONS AND MORE! »

28 de dezembro de 2011

Roupas novas...

Eita semaninha da pasmaceira hein! 

Muitas pessoas viajando, cidade paradinha, tudo quieto! 

Mas eu vim aqui pra contar novidades:

Peso: 69.5 (oba!!)

E...

comprei um short jeans número 40!!! 

Todos os 40 da loja serviram!!!
E eu fiquei lá experimentando os shorts 42, e todos ficavam sobrando. E eu pensando que nem ia pedir o 40 porque não iria servir nunca, mas não é que serviu! Fiquei tão, tão feliz! Faltou abraçar a vendedora! kkkkkkk
Daqui a alguns dias farei 3 meses de cirurgia. O que posso dizer até agora? Que nem tudo são flores, mas que eu faria tudo de novo! Sem pestanejar! 
Na consulta de 3 meses verei como estão minhas taxas de ferro, B12 e etc. Espero que tudo esteja bem, mas se não estiver eu farei a complementação. Por enquanto tô tomando o Centrum certinho, todo dia. Ah, mais uma coisa: eu andava sofrendo um pouco com uma sensação ruim de má digestão, azia etc. Comecei a tomar Omeprazol e foi uma benção! Vi que várias operadas tomam o protetor estomacal. Na consulta vou perguntar pro meu médico se posso tomar continuadamente. Com certeza esse remedinho me ajudou a não passar mal no Natal.  Não que eu tenha abusado, não comi demais não. Mas algumas comidas, mesmo em pouca quantidade, são mais pesadas mesmo. Por exemplo: comi quibe cru (pode???), claro que foi só um pouquinho e incrível como a carne crua "desce" melhor que a carne cozida/assada...rsrsrs... De resto, não abusei de doces nem tomei muita bebida alcoólica, dei umas bicadinhas no copo do marido, mas tudo muito pouquinho mesmo. Foi o natal mais light dos meus últimos anos, sem dúvida. 

Bjos a todas! 

24 de dezembro de 2011

Amiga secreta...


Olá meninas lindas desse Brasil calorento!!! 
Não sei vocês por aí, mas aqui eu estou derretendo!! Afff.... bom, se o calor ajudar a derreter as gordurinhas, então até aceito! kkkk

Bom, vamos ao que interessa: vim revelar a minha amiga secreta! 
Dicas: Ela ainda não operou! Mas vai operar em breve! No início de janeiro!!! 




(Anne, peguei essa foto do facebook, é você mesmo???? rsrs)

Pra minha amiga secreta eu desejo: 

Que você alcance a felicidade que está buscando! 
Que tudo dê muito certo na sua cirurgia e que você comece o ano se renovando!
Que sua vida mude pra melhor!
Que você seja saudável e muito muito muito feliz!!!!!!!!

E olha o presente que escolhi pra você: 



Um look bem lindo, já pensando no corpinho novo que você vai ganhar depois da cirurgia! Quero que você pense nesse presente representando uma das possibilidades que se abrirão pra você!!

Espero que tenha gostado!



Aproveito a oportunidade para desejar um natal lindo pra todas que me acompanharam nesse ano de caminhada, lendo sobre minhas dificuldades até finalmente conseguir fazer a cirurgia, me apoiando nos momentos de alegria e de dor! Vocês foram parte fundamental do processo. Sintam-se abraçadas carinhosamente por mim!! 


EDITANDO: 


PRESENTE DE ÚLTIMA HORA: PESO NA CASA DOS 60!! 


TÁ CERTO QUE É 69.9, MAS TÁ VALENDO!!!!



17 de dezembro de 2011

Rodízio de pizza e as dificuldades de comer fora de casa...

Olá gente bonita! 


Hoje quero falar sobre a dificuldade que nós gastroplastizados (ou pelo menos euzinha) temos em comer fora de casa. Eu não sei se com vocês também é assim, mas vamos sair pra comer aqui em casa e eu já fico pensando em que lugar vamos, se vai ter alguma coisa que eu consiga comer. 
Dia desses fomos a um rodízio de pizza, despedida do pessoal do trabalho. Como resolvi esse problema? Bom, primeiro que eu não sou fã de pizza desde antes de operar. Já comia só um pedaço mesmo e pronto. Acho pesado demais. Então, pra não parecer um E.T diante das pessoas, fiz assim: o maridón pegava o pedaço dele e  me dava só a pontinha. Eu tirava toda a massa e comia só o recheio. Mesmo assim, no último pedaço eu comi frango desfiando demais (o demais aqui é exagero...) e acabei passando mal. E isso não foi porque comi depressa não e sim porque tem coisas que simplesmente não descem bem mesmo. Tive que ir ao banheiro umas três vezes, porque fiquei com aquela sensação de entalo. Isso também aconteceu há alguns dias no shopping. Comi pouco e devagar, mas mesmo assim fiquei mal. Cheguei ao banheiro e tinha uma fila enorme (e eu salivando... vocês sabem como é, a tal baba de alien), pronto, achei que ia vomitar ali mesmo no meio de todo mundo. É ruim? Claro que é. É chato, desagradável. É a parte ruim da adaptação ao novo estomaguinho. Só espero que esses sintomas passem com o tempo. 
Ontem saímos pra comer fora novamente. Me encontrei! Pedimos um escondidinho. A mandioca tava uma delícia, a carne desfiadinha... é um prato ideal pra quem tem o estômago reduzido. Comi uma colher e meia e já fiquei satisfeita. Isso não quer dizer que não tive vontade de comer mais. A cabeça de gorda tá aqui ainda... se não fosse a cirurgia, eu teria com certeza devorado metade da travessa. Mas como não cabe mesmo... Eu preciso me acostumar ao meu novo estômago e passar a ver a comida como algo que deve me satisfazer e não me entupir. Desde pequena aprendi que não devemos deixar a comida no prato, que não deve sobrar comida.  Isso não existe mais! Hoje já não acho que preciso comer tudo que há na mesa. 
Coitado do marido, porque eu como tão pouquinho e acabo pegando no pé dele pra se controlar também. Mas eu sei, por experiência própria, que não é fácil se controlar. Só não posso deixar que ele coma a parte dele e a minha também! 
Resumo da ópera: dá pra comer fora sim, mas é preciso escolher direito o que comer, pra não ficarmos passando mal, sofrendo com entalos e vomitando em banheiros públicos. 
Amanhã já sei que almoçaremos fora. Como o restaurante é por quilo, escolherei o purê, o peixinho assado...  não me arrisco a comer a carne. Carne só em casa! E por falar em comer carne, comprei a Whey Protein pra  tomar, mas ainda não experimentei. Depois eu conto como é. 
Vou deixar uma fotinha da pizzaria: 


14 de dezembro de 2011

2 meses

Prometi voltar com fotos dos 2 meses de cirurgia, mas não foi possível. Fim de ano parece que os dias ficam menores! Mas hoje vou postar algumas fotos, menos as da formatura pois acabei nem indo. A alimentação deu uma boa melhorada, não estou mais vomitando nem passando mal a cada refeição. Creio que são fases mesmo e cada dia é um aprendizado. O peso tá quase quase 71... logo estarei na casa dos 60. Uma coisa legal é que finalmente as pessoas começaram a perceber as mudanças. Hoje encontrei minha ex-cabeleireira, ela me perguntou o que eu estou fazendo pra "ficar mais jovem"... rs; outra me viu e perguntou "cadê o seu resto?", eu "como assim cadê o meu resto?"... dã... aí que eu entendi que o meu "resto" eram os quase 20 quilos a mais... rsrsrs... enfim, é muito bom chocar as pessoas positivamente. Estou feliz. 

Vamos às fotos:


Comprei um saião... pode não ter ficado lindo, mas eu adorei mesmo assim. 



Descabelada... aff


Agora vou deixar uma foto que o meu filho tirou esses dias e que eu achei tão linda! É do meu cachorro, o Barack. Ó que fofo:


Faltam só 10 dias para o Natal!!! 




9 de dezembro de 2011

SAINDO DA OBESIDADE...

Meu IMC atual é 28. Isso quer dizer que não sou mais obesa, tenho apenas sobrepeso.
Alimentação continua meio falha, mas estou tentando melhorar. 
Falei com o médico na consulta dos  2 meses e comentei sobre a falta da carne. Perguntei sobre a suplementação de proteína e ele sugeriu o Glucerna ou Whey Protein. Glucerna eu já tomei e é meio difícil, enjoativo. Pelo que leio por aqui, Whey Protein também é complicado. A Flávia disse estar tomando o Resource Protein, diz que é melhorzinho. Qual a experiência com vocês em relação a isso? 

Hoje estou sem tempo, mas amanhã farei um post com antes e depois dos 2 meses, fotos da cicatriz e etc. Nem comemorei meu "mêsversário", como diz a Miss Pudim...hehehe

No mais está tudo bem. Marido apaixonado (alguém sentiu isso, uma diferença nada sutil no comportamento do marido????). Ontem fui provar umas roupas, experimentei uns vestidos, aí o marido disse: Humm, tá que tá hein, provando vestidinho... Eu achei que ele estava implicando, mas diz ele que não é implicância e que ele tá contente por ver que eu estou bem, contente. 

Amanhã tenho formatura pra ir. Creio que voltarei a ficar loira, estou aqui decidindo... depois postarei fotos também. Mas é ótimo sentir que estou me cuidando mais, gostando mais de mim. Não me sinto magra (estou com 72kg), me sinto normal, me sinto eu novamente. 

Agora vou trabalhar um pouquinho... 
bjoss
ah! e não estou comentando nos blogs de vocês por falta de tempo mesmo, mas prometo colocar as visitas em dia no fim de semana... mas tenho lido muitas novidades, como  a cirurgia da Leca... saibam que torço muito pela felicidade de cada uma de vocês! 



7 de dezembro de 2011

Correria...

Oi!
A vida está corrida essa semana. Estou participando de concursos públicos em cidades diferentes, então tô numa correria louca. Logo que der eu volto aqui.

Abraços!!

30 de novembro de 2011

Quase 2 meses...

Quero agradecer as dicas de todas em relação ao post anterior. Não sei bem o motivo, mas de ontem pra cá minha alimentação melhorou, não vomitei nem fiquei passando mal, até consegui comer um pouco de carne. Enfim, deve ser uma fase de adaptação mesmo!
Minha alimentação ontem:

Café da manhã: 1/2 xícara de leite com café e adoçante e 1/2 torrada com margarina
Almoço: 2 colheres de feijão, 2 rodelas de tomate, 1 pedacinho bem pequeno de frango
Lanche: 1/2 manga, 1 copo de suco de uva (Del Valle Light)
Jantar: não comi, pois fui trabalhar. Cheguei tarde e não quis comer comida, então comi 1 pêra.

Hoje no almoço consegui comer 1 colher de batata cozida, 2 colheres de feijão e 2 colheres de carne moída. Arroz nem pensar. Depois do almoço tomei 1 copo de suco de abacaxi (Ades) e agora tô comendo uma banana nanica que de nanica não tem nada!

Resolvi deixar uma foto de como estou hoje: 



54 dias de cirurgia e 14 kg a menos. Ainda faltam 16 kg para a meta. 


E vou deixar as fotinhas de 2 meses atrás: 





27 de novembro de 2011

Post desabafo...

Este é um post pra desabafar mesmo. Nada de imagens bonitinhas, nada das comidinhas que não quero mais comer. Este é um post pra dizer que a comida pra mim é um transtorno, uma chatice, uma dificuldade. A hora da refeição é uma hora triste, de desespero quase. Entendam: eu preciso comer. Preciso comer carne, preciso ingerir nutrientes. Ando como uma alma penada, fraca, me sentindo desnutrida. Eu não consigo tomar refri, comer doces, comer massas pesadas, enfim, todas aquelas porcarias que a gente não precisa mesmo comer porque só engordam. Mas também não tô conseguindo comer aquilo que preciso, o mínimo que preciso pra me manter em pé e ativa. Isso tá me preocupando muito. Carne, por exemplo. Quero passar mal algumas horas é comer carne. Pronto, dá uma entalada (e tô falando de uma colher de sopa de carne, não é 100 ou 200 g de carne.) E as proteínas que eu sei que TENHO que ingerir se não quiser ver meus cabelos e unhas caindo?
O que eu faço. Tudo bem não conseguir comer pelo prazer de comer. Aguento isso. Mas e quanto à nutrição? Fico pensando se será sempre assim ou se com o tempo vai melhorar a minha ingestão de alimentos, principalmente de carnes. Agora mesmo tem churrasco em casa, fui comer um pedacinho minúsculo de carne, já fiquei me sentindo com aquela sensação de má digestão. Desisti, larguei o prato. Não me alimentei, não almocei. No café da tarde sei que também não comerei nada com "sustância". Pão também não desce.
Socorro! Estou preocupada demais! Eu PRECISO comer e não CONSIGO!!!
Alguém também teve esse problema?
Me ajudem!!

25 de novembro de 2011

Sou eu? De verdade? Não tô acreditando...

Cenas dos últimos capítulos: 

Eu não me reconheço. Não reconheço minhas escolhas. 
Não reconheço minha capacidade de controle (ou não é minha de fato?). 
Me sinto tão, tão diferente. 
Primeira cena: ir ao cinema e ignorar totalmente a pipoca e a coca-cola. Inimaginável! E nem sequer ficar olhando pra quem tá comendo do lado, morrendo de vontade. Não, não. Ignorei totalmente mesmo.


Segunda cena: ir à padaria e ignorar totalmente aquela paisagem açucarada.  E ainda sentir um certo arrepio só de olhar aquele monte de doces. 


Terceira cena: nunca mais comer salgado quando saio de casa pra andar na rua, ver vitrine etc. Só de pensar naquela massa pesada dos assados ou gordurenta das frituras, ui, dá um desencanto. 


Minha escolha então tem sido esta: 

Água no cinema, água na padaria, água por todo lado! 
Será que vai ser sempre assim? 

Peso hoje: 74,4. 

22 de novembro de 2011

Metas

Há umas duas semanas eu estava com 77 kg. 

Me coloquei uma meta: começar o ano já na casa dos 60 
(podia ser 69.9)



Hoje fui pesar e deu 74.8. 

Faltam só 4.8 kg pra eu chegar na casa dos 60. 
Faz tempo que eu não visito essa casa hein! 

Acho que eu alcanço a meta! 


UP: 






Ganhei selinho da Geisa! Obrigada!! 
A regra é indicar para 7 meninas: Fabi, Andreia Castro, "A fim de viver", Sissica, outra Fabi, Fernanda de Campinas, She-Ione, Beauty, Panetone, Miss Pudim, Sammy, Naty, Flávia, Sammy... ih, não sei contar né! kkkkkk


Falar 7 coisas sobre mim: 


1. Mexeu com meus filhos, tá ferrado comigo. 
2. Casei muito cedo (22 anos, pra mim foi muito cedo).
3. Não me ligo em coisas materiais (não é demagogia!).
4. O nome da minha filha veio da obra "A divina comédia", de Dante. O do meu filho foi o pai quem escolheu, mas é lindo. 
5. Amo literatura. 
6. Adoro a música I Still Haven't Found What I'm Looking For, do U2. Acho que ela tem a ver comigo, porque eu de fato ainda não achei o que estou procurando em relação a: fé, profissão, amor, dinheiro, tranquilidade. Eu sou muito inquieta. Sempre que ultrapasso uma meta já estou pensando no próximo degrau. Isso principalmente no trabalho e nos estudos. Não me acomodo. E eu ainda chego lá!!!! Isso é bom né? 
7. Adoro blogar e adoro as pessoas queridas aqui do blog! : )

19 de novembro de 2011

Consequências nutricionais da cirurgia bariátrica

Vejo algumas pessoas em dúvida quanto à técnica que devem escolher para a cirurgia. Eu fiz o bypass gástrico em Y de Roux, ou seja, além de diminuir o tamanho do estômago, o caminho da comida pelo intestino é modificado, diferentemente da técnica sleeve, na qual só o estômago sofre alterações. As informações a seguir são referentes à cirurgia bypass, e tratam da questão nutricional. Porque precisamos nos preocupar em ter uma alimentação equilibrada? Porque é preciso vigiar as taxas de ferro e vitaminas? Porque por vezes é necessário fazer reposição de alguns elementos?  

Isso é muito sério. As deficiências de micronutrientes após a cirurgia podem resultar em anemia, déficits neurológicos e osteopenia (diminuição da densidade mineral dos ossos). A anemia pode ocorrer em até dois terços dos pacientes, resultante de deficiências de ferro, folato ou vitamina B12. As deficiências neurológicas podem acometer de 5 a 16% dos pacientes, devido a deficiência de B12, tiamina e ácido fólico.


FERRO

A absorção do ferro é prejudicada devido à diminuição da produção ou disponibilidade do ácido gástrico. Com o bypass do duodeno e do jejuno proximal, elimina-se os lugares primários onde o ferro é absorvido. 

B12

A vitamina B12 é ligada às proteínas e exige ácido gástrico e pepsina para liberação. Após o bypass, a câmara gástrica libera uma quantidade mínima de ácido gástrico, reduzindo a biodisponibilidade de vitaminas do complexo B provenientes da alimentação. É preciso então fazer a suplementação. 

ÁCIDO FÓLICO

A deficiência de ácido fólico pode também causar anemia, mas de forma menos preocupante, pois o ácido fólico é absorvido ao longo de todo o intestino delgado. A suplementação com multivitamínicos quase sempre corrige a deficiência de ácido fólico. Assim, só haverá essa deficiência se o paciente não tomar direitinho as suas vitaminas diárias. 

TIAMINA (VITAMINA B1)

Assim como as vitaminas do complexo B, a absorção da tiamina exige a acidificação da alimentação. O bypass gástrico diminui sua absorção, já que diminui a produção de ácido gástrico. Essa deficiência é mais comum em pacientes que vomitam muito no pós-operatório, e portanto tem uma dificuldade em ingerir micronutrientes. 

CONSIDERAÇÕES FINAIS (tá parecendo trabalho acadêmico...hehe)

Diante do exposto, podemos ver a importância da vigilância das taxas nutricionais no pós-operatório de quem se submete à técnica do bypass gástrico (ou Fobi e Capella), bem como a importância de uma alimentação adequada e do uso correto do multivitamínico (indicado pelo cirurgião). Embora essa técnica tenha esses "inconvenientes", ela também garante uma perda de peso maior e uma "garantia estendida" de que o paciente vá manter-se  magro com o passar dos anos, isso porque com o desvio intestinal o alimento não passa pelo duodeno, ou melhor, não sofre a “mixagem” com as enzimas biliares e pancreáticas, e assim as gorduras serão mal absorvidas.O alimento também não passa pelo primeiro metro de jejuno, que é um local de importante absorção de açúcares. Pois bem, “não passando” por esses locais o alimento tem sua digestão e sua absorção parcialmente prejudicadas (principalmente as gorduras).

Não podemos achar que a cirurgia termina quando saímos do hospital. O acompanhamento psicológico (esse eu não tô fazendo, mas devia) e nutricional é necessário para que o paciente alcance seus objetivos quanto ao  emagrecimento, mas sem ficar doente! 

Tirei algumas informações daqui: 
http://www.dohmsweb.net/apparenza/informes/166_endocrinologia_art_tec.pdf
http://www.francoerizzi.com.br/cirurgia_obesidade.htm

17 de novembro de 2011

coisas...

Coisas chatas...

Comi uma banana às 10 horas da manhã. 
Caiu mal. 
Não almocei, não posso nem olhar a comida. 
Já vomitei. Garganta tá doendo de tanto enfiar o dedo nela. 
Antes da cirurgia não vomitava nem a pau Juvenal. 
Agora é tão fácil. 

E tô aqui. Ruim. Sensação chata e que não passa. 
Ouvi dizer que remedinho pra digestão melhora. Será? 
Medo de experimentar. 

E pra ajudar: ponteiro da balança não desce. 
Tá mortinho da silva. Duas semanas já. 
E eu sem comer, coisas entalando. 
Vá entender!! 


ATUALIZANDO: 10 e meia da noite, agora começou a passar o mal estar, mas o dia foi perdido, tinha tanta coisa pra fazer, mas com aquela sensação ruim acabei não fazendo nada. Espero me policiar mesmo, ver o que faz mal, escolher muito bem o que mando lá pro meu estômago, pra evitar essas situações desagradáveis. Agora tô tomando um copo de água, morro de medo de desidratar. Nem o Centrum tomei hoje, mas nem vou tomar, vou deixar pra amanhã, só por precaução. 

14 de novembro de 2011

É o fim...

É o fim do meu relacionamento de longos anos com você. 

Eu tentei, mas não dá. Você só me faz mal. 

Pão francês, você está fora da minha vida! 

13 de novembro de 2011

Prazer de comer

Certa vez eu li no blog da Mimoo o seguinte: 

COM A GASTRO, TROCAMOS O PRAZER DE COMER PELO PRAZER DE SERMOS MAGRAS. 

É verdade. No post passado, quando eu disse que tinha escorregado e comido umas coisinhas calóricas, o fato é que eu comi, mas sabe quando não é gostoso? Pois é. O paladar muda mesmo. Fui comer a batata Ruffles e parecia que eu conseguia sentir o sabor por trás de todos os condimentos. E não é porque ficamos mastigando e mastigando infinitamente... é porque realmente parece que nossa percepção dos sabores fica mais "afinada". Mesmo o bolo de chocolate não era aquela delícia. Nada do que eu como parece ser gostoso como era antigamente. Eu não sei se isso vai mudar com o tempo. Sexta-feira, por exemplo, fui a uma padaria onde só tem coisas boas. Além de deliciosos, os doces e salgados são lindos, a gente já "come com os olhos". Pois é, fiquei lá olhando aquele monte de coisa tentadora, e saí de lá sem comprar nada. Até eu fiquei impressionada comigo. Mas o fato é que nada "me apetece". Talvez seja porque eu ando com um pouco de dificuldade em comer, já andei vomitando algumas vezes, principalmente com coisas mais sólidas como carne e arroz. Mas tá rolando um "desinteresse" por comida, mesmo que seja a coisa mais apetitosa do mundo. O ponto positivo disso: o ponteiro da balança descendo. O ponto negativo: lá se foi o prazer de comer. 




Obs: Muito feliz com as meninas que fizeram a cirurgia por esses dias e já estão bem. Feliz também pelas meninas que tiveram suas cirurgias autorizadas ou que estão conseguindo seus laudos para o grande dia. Torço muito por todas! 
Ah! Quero dar boas vindas às novas seguidoras! 


Bom domingo a todas!!!!

10 de novembro de 2011

As porcarias cabem!

É triste, é revoltante, é perigoso, é complicado, mas...

AS PORCARIAS CABEM!!

A alimentação é restrita, tem que fazer dieta sim, tem que controlar o olho e escolher coisas que vão não matar a fome ou encher a barriga, mas que vão NUTRIR as nossas necessidades. 

Mas... apesar de saber disso, já constatei que algumas porcarias cabem (pouquinho, mas cabe): 




Alowwww!!! Alguém me interna???? 

Ruffles foi só umas três rodelinhas, bolo foi só um pedacinho, pastel foi um inteiro, de carne, porque queijo pra mim se tornou uma coisa bem indigesta e também porque eu me iludi que tava comendo carne... aff!! 

Fazer o quê gente, é verdade, comi, errei, confessei. 

Mas me arrependi e prometi pra mim mesma fazer escolhas mais saudáveis e nutritivas.  

7 de novembro de 2011

1 mês de gastroplastia

Bom dia!!!!!!!!!!!!!

Quero agradecer os comentários no post anterior, mas não quero tocar nesse assunto agora. Este blog é sobre a gastroplastia e sobre o pré e pós operatório, alimentação etc, então vou focar nesse assunto. E o dia é bem propício pra isso: hoje completo 1 mês de estômago reduzido. 

Nesse mês já descobri algumas coisas boas e também algumas coisas chatas da gastroplastia.

A parte boa logicamente é poder entrar novamente nas roupas que já não serviam, é olhar-se no espelho e ver que a coisa tá gradativamente melhorando...hehe. As coisas chatas: as dores pós-operatórias, os medos que acompanham essas dores, a dieta líquida, a adaptação à comida, os entalos. 

Ontem eu tive (presente de aniversário de estômago) o meu entalo mais chato. Fomos numa lanchonete e pedimos uma porção de carne (filé mignon). Humm, tava tão bonita! Eu fui rápido demais. Comi dois pedaços minúsculos de carne e comecei a passar mal. Ficou parado na garganta, a respiração ficou difícil, uma dor... tive que ir pro banheiro e ver se "descia". Enfiei o dedo na garganta, mas nem precisa muito esforço. Foi aí que conheci a famosa baba de alien! Nossa, uma coisa estranha. A comida mesmo não sai! Sai a baba alienígena e a gente fica babando igual um buldogue (eu li isso em algum blog dia desses... e pior que é assim mesmo!) Enquanto isso as pessoas ficam lá esperando e eu lá uns 20 minutos no banheiro... Foi uma experiência muito ruim, mas ainda bem que não tive que ir parar no pronto-socorro! 

Uma outra coisa que me acontece: uma fraqueza! Tudo que eu vou fazer cansa tanto! E eu tenho tanta coisa pra fazer! Mas logo fico ofegante, a respiração fica difícil... espero melhorar isso logo. A partir de hoje já estou liberada para fazer caminhadas, então chega de preguiça, ofegante ou não, lá vou eu, mas vou começar devagar! Mas meu conselho é para quem não estiver se sentindo 100% pra não abusar, porque hoje fui aos bancos e passei mal na rua! Fiquei tonta, um moço que me ajudou! Já pensou se fosse um assaltante?  Fiquei com medo. E depois fiquei com medo de dirigir até em casa e me dar um piripaque no volante. Enfim, todo cuidado é pouco. 

Agora vou postar umas fotinhas comemorando o aniversário. Tô meio torta nas fotos, mas minha fotógrafa oficial estava meio sem paciência hoje. 

1 MÊS = 11 quilos a menos!! 



Ainda tô pegando o jeito de como montar esses "antes e depois". 

Logo eu apareço com fotos novas, é que ainda ando sem coragem de ficar aparecendo nas fotos. Eu que durante anos e anos fugi da máquina fotográfica! É engraçado como alguns hábitos ficam enraizados. Hoje, andando na rua e vendo as vitrines, me peguei vendo as roupas pra gordinhas, ignorando solenemente o resto da vitrine. Ainda não acredito que vou entrar naquelas roupas! Acho que só quando eu realmente estiver podendo escolher é que vou acreditar. Boba eu né? 

Bjos a todas(os)!!! 

2 de novembro de 2011

Oi!

Oi gente!

Primeiramente quero agradecer as novas seguidoras! Sejam bem vindas!

Bom, eu estou relativamente bem. De vez em quando ainda dou umas entaladinhas, geralmente é se como muito depressa ou então quando eu tomo o bendito do Centrum. Ô coisa difícil de engolir! Mas vai... 

A alimentação está ok, acho que estou comendo bem. Só não estou tomando água o suficiente, mas tô tentando melhorar esse aspecto. Outra coisa: a dona M veio, e a gente fica feliz de vê-la, pois é mais um sinal de que o organismo está funcionando devidamente. 

Só tem uma coisa me incomodando bastante: meu braço está doendo muito. Eu sei que é por causa do acesso intravenoso, foi ali que tomei todas as injeções e o soro no hospital. Engraçado que até uns dias atrás não estava doendo, agora tá doendo muito, até tomei analgésico pra ver se melhora. O braço de vocês também ficou doendo assim? Quanto tempo demora pra passar essa dor? 

Minha licença acaba no dia 5/11. Vamos ver se vou voltar ou se o médico vai me dar mais alguns dias. 


É isso, meninas! 
Fiquem bem! 

Pra refletir: 


"O espírito procura, mas é o coração que encontra." [George Sand]

28 de outubro de 2011

Entalada básica

Ai, fiquei aqui me gabando de que tá tudo descendo bem... pronto! Entalei! 
Mas foi de leve, porque quando percebi que o negócio "estacionou", já larguei o pratinho e fui andar. 

Aff, sensação ruim. Imagine esses entalos que as meninas falam que têm e que as vezes tem de ir pro hospital! Deus me livre... 

Mas foi culpa minha: fui com muita sede ao pote. Foi com tomate. Tomate e atum. Eu simplesmente amo tomate. Fui tentar comer. Mas não mastiguei direito e quando vi, engoli. Agora vou deixar o tomate de lado e ficar só no atum, com um pãozinho integral. Como diz o ditado: "devagar com o andor..."


27 de outubro de 2011

O que tenho comido... dores!

Minha alimentação está melhor do que eu imaginava. Hoje comi arroz (1 colher de sopa), carne (filé mignon, desceu fácil), salada cozida (cenoura, abobrinha, xuxu), ovo cozido. Tudo desceu bem. E eu que tava com um medão de ficar entalando, vomitando... mas até agora tudo ótimo. 

A única coisa chata do dia foram umas dores abdominais medonhas que me atacaram agora a tarde. Por sorte eu não havia ido a uma palestra na faculdade. Imagina eu lá, me dobrando com essas cólicas, querendo ir para o banheiro e ficar trancada lá meia hora (como de fato fiquei), suando frio? Ainda bem que resolvi ficar em casa. Quando começaram as dores corri tomar o remedinho pra gases. Fiquei no banheiro uma meia hora mesmo, mas ainda bem que as dores passaram! 

É incrível, mas qualquer dor nos assusta nesse momento! Fizemos grandes mudanças no nosso organismo, não sabemos como as coisas estão funcionando, então as dores são temidas! Eu já penso em ligar pro médico, aí lembro que ele está a duas horas daqui... já bate um pânico... preciso me acalmar nestas horas! Agora já passou, estou "normal" novamente. Ufa!!! E dá-lhe tomar água, pois a minha ingestão de líquidos está deixando a desejar! 


26 de outubro de 2011

Centrum

Oi gente!

Hoje fui tomar o Centrum. Nossa como é grande!!! Nossa, como é difícil tomar! Ai ai, eu até tive que rir né! Porque o médico mandou dividir o comprimido em 3 pedaços, mas confesso: dividi em 8 pedaços! E mesmo assim tive uma sensação de entalamento... afff!!! Ainda tô aqui olhando pros pedacinhos faltantes. 

O almoço também foi assim. Consegui comer meia colher de sopa de abóbora cozida e um pedacinho minúsculo de carne. E só. Já deu uma sensação estranha, saí da mesa e fui dar uma caminhada. 

É incrível como cabe pouco. É incrível como com o primeiro pedacinho de qualquer coisa já dá uma vontade de "desistir" de comer. Será que isso vai mudar com o tempo? Minha sogra vendo isso disse: nossa, é muito sacrifício. Mas era isso mesmo que eu queria né? Algo que limitasse a minha compulsão por comer mais do que devia. Confesso que a diferença é muito grande e que acostumar-se a essa nova situação é complicado. Mas vamo que vamo, aprendendo a viver com o novo estômago e com a nova situação. 

25 de outubro de 2011

18º dia - Na casa dos 70!

Oi flores!


Hoje fui na revisão com o meu cirurgião. Ele liberou minha dieta totalmente,ou seja, posso comer de tudo já. (mas não devo né!). As recomendações dele foram para privilegiar as proteínas nas refeições: carne, frango, peixe, ovos, leite, queijos. Cortar tudo em pedacinhos bem pequenos, mastigar bem e comer devagar. Tudo que eu já sabia (aprendi aqui com as "veteranas"...hehe). Também disse pra eu comer de 3 em 3 horas e não pular refeições. Disse que não tem problema tomar café! (tomo com leite e adoçante). Me passou o Centrum (1 ao dia, dividido em 3 pedaços) e a pomadinha pra passar na cicatriz (vou passar a Contractubex, 2 x ao dia)

Aí cheguei em casa e fui fazer o "test-drive"... Comi 1 pão bisnaguinha com creme de queijo e 1 xícara de café com leite. Foi tudo bem! Agora vamos ver como vai ser a janta... vou de carne moída mesmo, porque salmão tá difícil hoje...kkkkkkk 


Ah! Saí da casa dos 80! Hoje pesei na balança do médico: 79.3 kg! 


24 de outubro de 2011

Novidade boa.....

Oi meninas, 

Não tenho muitas novidades. 
Minha dieta muda amanhã, mas o fato é que hoje já fiz uma alteração: ao invés de tomar só o caldo da sopa, bati a carne com os legumes até virar um creme. Não se espantem com o tamanho do prato, é um pratinho de sobremesa e claro que não comi tudo, mas acho que comi rápido demais. Mas não aconteceu nada, não vomitei nem senti dor. Nadinha. 



Ah, uma outra novidade bem legal: hoje compramos um carro novo. Olha a fotinha dele: 



Tô feliz!!! : )


23 de outubro de 2011

Confesso...

Ai, tá bom, confesso que hoje fiz besteirinha....


Faltando 2 dias pra sair da dieta líquida total, fiz arte: chupei uns pedacinhos de picanha e provei uma lasquinha microscópica do pão de alho. Depois fiquei esperando pra ver se ia acontecer alguma coisa, mas não aconteceu nadinha. Ai que delícia mastigar a carne! Pronto, falei: não só chupei, mas mastiguei e depois joguei fora. Ai ai... mas me senti tão "normal" de novo... foi bom. Mas não sigam meu mau exemplo....tsc tsc... 
As dores passaram de vez, só não posso abusar em ficar levantando peso e etc... Tô usando a cinta, preciso apertá-la mais, mas sozinha não dá, tem que ter o auxílio de alguém. A cicatriz tá sequinha, tá tudo indo bem. 
Agora tô ansiosa pra terça chegar e eu poder comer. Não tanto pelo comer, mas é que tô tão curiosa sobre como vai ser: o quê vou conseguir comer, quanto vou conseguir comer, se vou entalar ou não, se vai ser tudo "relax". Curiosidade sobre essa nova etapa! 
Bom, é isso. 


Ótimo domingo a todas(os)!!!!!!!!!



 Ai que delícia!! (abafa!!)

20 de outubro de 2011

Mais um dia...

Oi meninas lindas, fofas, fofinhas, magras, magrelas e futuras magrelas...

Ontem estava sonhando com salmão, hoje já me contentaria com um pão com mortadela...kkkk

Ontem já voltei a trabalhar, fui dar minhas aulinhas, mas foi bem tranquilo, também com 12 dias de operada eu não podia mesmo ficar fazendo estripulias né? Foi tudo bem, mas parece que voltar a fazer uma atividade "de rotina" aguçou a minha fome. Não sei se era bem fome, acho que era mais vontade de comer. 

Meu problema tem sido o "faro". Nossa como meu nariz tá bom! Capto o cheiro de comida de longe... ai ai.. pensa eu agora a pouco passando perto de um carrinho de cachorro-quente, aquele cheiro de bacon e pão na chapa no ar...kkkkkkkkkk

E constato que é verdade aquela velha história: operam nosso estômago, mas não a nossa cabeça! Mas creio que assim que eu puder comer alguma coisinha, essas neuras vão aliviar um pouco. Acho que é mais a restrição que faz a gente ficar assim meio fragilizada, meio "sonhando com comida". Mas terça-feira já está aí, faltam poucos dias, até lá vou aguentando firme e forte. E que nenhum engraçadinho venha dizer que fazer a cirurgia é optar pelo modo "mais fácil". Dô um soco em quem me disser isso! 

É isso meninas, vamo que vamo! 

Beijos a todas!

Ah! Roupinhas já ficando largas. Já emagreci 8,5 kg. 



19 de outubro de 2011

Sonhando com comida

Enquanto a dieta líquida segue por mais uns dias, fui pensando na primeira coisa que quero comer quando puder comer! Ai, tem cabimento? rsrsrs Tô sonhando com comida! hehe


Mas minha estreia vai ser esta: 


Salmão assado! Ai como eu amo! 

18 de outubro de 2011

Alimentação

Em casa a tarde toda?
Pois é, antigamente seria uma orgia alimentar: coca-cola, pão bisnaguinha com maionese, pão com presunto e queijo, laranja, maçã ou banana (ou o que tivesse na geladeira), etc etc etc...

Agora com o novo estomaguinho, como tá diferente!
Claro, ainda estou na dieta líquida né, não posso ficar me gabando, pq sei que estou terminantemente proibida de comer essas coisas, mas olha só:

Pegue um potinho de iogurte light,

Acrescente leite desnatado até chegar a 200ml, para o iogurte ficar mais líquido.
Teoricamente eu teria que tomar esses 200 ml de iogurte/leite nuns 40/50 minutos.
Mas, faz praticamente duas horas que estou tentando acabar de tomar. O copo ainda tá pela metade. Não desce. Tô tomando muito devagar e ainda pra cumprir tabela, porque não tenho vontade nenhuma, apesar desse iogurte ser bem gostoso. Ai ai...
Pelo menos tomei meus 150 ml de caldo de frango + cenoura + vagem + tomate no almoço. Estava até gostoso.
Vou assim até terça-feira que vem, quando meu cirurgião disse que vai me "ensinar a comer"... rs
No mais (vamos falar das partes chatas), que gases são esses hein? Faz um barulhão..kkk, ainda bem que não dói.

17 de outubro de 2011

10 dias de operada - Colhendo os frutos...

Oi!

Depois de 10 dias já posso dizer que o arrependimento passou e estou muito bem. 

Ontem fui a noite mesmo ao médico. Eu iria hoje pela manhã, mas encasquetei com a cor da secreção que estava saindo do dreno e liguei pra ele. Ele disse que me atenderia no hospital, a noite mesmo. Ele é uma graça! Adoro ele!

Bom, tirar o dreno não doeu nada, só deu assim uma agoniazinha bem rápida... mas foi tranquilo. No hospital não tinha nenhuma balança regulada, então saindo de lá fui a uma farmácia. Eu achava que tinha perdido uns 3 quilos. Fiquei chocada quando vi: 

Perdi 7 quilos! Em 10 dias! 

Nossa, fantástico! Daqui a 2 quilos estarei na casa dos 70! Iupiiiiii!!!
E ele não mudou nadinha a dieta. Tenho mais 10 dias só de líquidos mesmo! Aff, essa parte é difícil, mas vou focar no resultado. Quanto será que perderei em 1 mês? 



Finalmente estou vendo as flores no caminho.... 

14 de outubro de 2011

1 semana de operada!

Oi meninas lindas desse Brasil...

Hoje faço 1 semana de operada. 

Muita coisa já melhorou! Oba!

Mas enquanto não fizer os 10 dias (e a cicatrização do estomaguinho não estiver completa) eu ainda vou ficar aqui nas minhas neuras diárias. 

Uma delas: tive pesadelos. Sonhei que tinha pedido um pedaço de picanha e que fiquei chupando o caldinho, mas me distraí e engoli! Nossa, pensem num pânico! Comecei a gritar: engoli a carne, vou morrer, vou morrer! Até acordei suando! 

A minha maior dificuldade agora está sendo tomar a quantidade de líquidos diária. Não consigo. Tem que ficar tomando o dia todo... Até agora (1 e meia da tarde), acho que tomei só uns 300 ml. Péssimo! Só um pouco de suco e um pouco de caldo. Agora tô tomando água. Mas eu tenho tanto medo de tomar um gole maior do que pode que acabo demorando muiiiiiito pra tomar 150 ml de qualquer coisa! Aí chega a noite e eu não dei conta de tomar nem metade do que deveria ter tomado. Bom, mas não estou sentindo fraqueza nem mal estar. 

No geral, estou bem. O corte ainda dói um bocadinho, mas não como nos primeiros dias. A tosse maledeta passou e já estou dormindo melhor (delícia). Meu médico não me passou nenhuma vitamina pra tomar nesses dias. Será que é normal? Talvez ele receite segunda-feira, vamos ver. Vou postar fotinha da cicatriz para vocês verem como está. Não se assustem..hehehehe

Por hoje é isso. Prometo começar a responder os comentários, a visitar os blogs de vocês. A propósito, alguém sabe da Taiane?

Meu quartinho: (quero distância!)


Meu primeiro caldo: (ruim!)


 A cicatriz hoje (com 1 semana, esse negocinho ali do lado é a "mangueira", o dreno)


13 de outubro de 2011

Um dia de cada vez...

Hoje amanheci melhorzinha. Nossa, como é bom! Até ontem eu estava cheia de neuras e dores. As palavras que me perseguiam eram: riscos, fístulas, fraquezas, dores. Essa noite já consegui dormir um pouco melhor e isso é uma delícia, levanta qualquer astral. Até tomei banho e fiz meu próprio curativo! A cicatriz tá boa, só o último ponto embaixo é que tá meio amarelinho, mas também, com o tanto que tossi, achei que ia abrir tudo! O dreno tá soltando bastante melequinha, mas acho bom porque tem mesmo que limpar tudinho lá dentro. Sou super encasquetada com a cor da secreção! Toda hora tô lá "de olho"... hehe, todo mundo é assim será?
Hoje também consegui tomar 200 ml do caldo de frango e legumes. Argh! É duro! Demorei 1 hora e 20 minutos pra tomar! Mas tomei, bravamente!
No mais, é tão bonito ver a preocupação do meu pessoalzinho. Meu filhote lindão toda hora vem e pergunta: "Mamãe, você tá bem? Tá precisando de alguma coisa?", o marido também tá sendo super presente!
E quanto à fome? Tenho fome?
Não, absolutamente nada. Dá até vontade de comer alguma coisa, mas fome mesmo nenhuma! Incrível!
Quanto ao peso, só vou pesar no retorno ao médico pra tirar o dreno, que será segunda-feira, dia 17.
Ainda não vejo diferença, mas realmente neste momento quero mais é me sentir melhor, voltar à normalidade...
É isso, meninas. Não é fácil, mas as coisas já estão melhorando!

Bjos a todas, agradeço os comentários de todas vocês, tão queridas! Blogueiras ou não blogueiras, saibam que leio com muita atenção os comentários de todas.

12 de outubro de 2011

Voltando...

Oi pessoas, 

Demorei, mas voltei! 
Ainda não tá tudo maravilhoso por aqui, fiquei pensando que não ia fazer posts enquanto essa fase não passasse, mas o blog é pra isso mesmo, pra mostrar as coisas boas e também falar das dificuldades. 

Afinal, nem tudo são flores. Aliás, não vi flor nenhuma ainda. Por enquanto ainda tô só nas dificuldades.

Vou dizer, ainda não penso em perda de peso. Sério! As dores me preocupam. 
Já era pra ter melhorado essas dores, mas me deu aquela tosse chata pós anestesia, e cada vez que a tosse vem eu sinto que vou morrer de dor! Que a barriga vai explodir! As lágrimas escorrem sem esforço, dá um suor frio, um mal estar... Aí mandei mensagem pro Dr. Luciano e ele me receitou um xarope. Comecei a tomar, vamos ver se vai melhorar essa tosse infernal, porque ninguém merece!

No mais, dormir também está difícil, não consigo dormir de barriga pra cima, tomei até Dramin ontem pra ver se dava aquele sono, mas não deu! Foi uma noite sofrida ainda.... ai ai... daqui a pouco vocês vão me chamar de reclamona! Só reclama essa guria! Mas é que ainda tá complicado, mas tenho fé de que as coisas, dia após dia, vão melhorar. 

Ainda por cima hoje a minha cunhadinha resolveu noivar. Pensa que vai ter um monte de coisa gostosa! Ainda bem que não tenho fome! Mas a vontade de comer, já viram né... 

É isso meninas, assim que tiver melhores notícias retorno aqui. 

Me arrependo? Ainda digo que sim, mas sei que isso logo vai passar. 

bjosss...